Assista aos testes de impacto e saiba os tipos de vidros de segurança ideal para o seu projeto!

De acordo com a norma NBR 7199, os vidros temperado e laminado são considerados vidros de segurança. Mas eles oferecem a segurança necessária?

Depoimento: Jefferson Martins – Engenheiro de produto

“Depende! Se a preocupação do cliente for com segurança como a quebra de uma porta, por exemplo, o vidro temperado atenderá esta demanda porque este vidro ficará em pequenos fragmentos.

Agora se a preocupação do cliente for com a segurança de um ambiente interno, o vidro laminado atenderá melhor esta demanda porque, mesmo quebrado, os fragmentos ficam presos ao PVB. E mesmo assim, após alguns golpes, o cliente terá tempo suficiente para se evadir ou tomar alguma medida de segurança.”

E se esta porta for de uma joalheria, por exemplo?!

“É possível a criação de um vidro multilaminado de segurança, onde este tipo de produto suportaria diversos golpes, evitando que qualquer tipo de item seja subtraído no momento da quebra. Numa ação como esta, o tempo é determinante.”

Mas então, como decidir dentre os tipos qual produto é melhor?

Assista agora aos testes de impacto nos vidros de segurança e saiba qual vidro escolher!

 

Leia também:  Como criar conforto térmico e acústico com vidro insulado

Vidro comum

Neste teste, uma peça de vidro comum de 6mm de espessura sofre um impacto de 785 gramas e se rompe.

 

Vidro temperado

Já a peça de vidro temperado, de mesmo tamanho e espessura, continua intacta, mesmo de uma altura maior. Se a peça de vidro temperado sofrer um impacto maior ela irá se romper, porém em pequenos fragmentos, evitando grandes arestas e riscos de acidente.

 

Vidro laminado

O vidro laminado é obrigatório para guarda-corpos, coberturas e fachadas, pois em caso de quebra acidental, os fragmentos ficam presos à película, evitando a queda.

 

Vidro multilaminado

O vidro multilaminado garante mais segurança contra ação de vandalismo, pois resiste à golpes como pedradas, marteladas e machadadas. Na composição de 27mm, por exemplo, o produto pode suportar até 70 pancadas sem que nenhum vão se rompa, garantindo o máximo de segurança para as aplicações mais exigentes.

 

Vidro temperado-laminado

Em casos de quebra, os fragmentos de vidro são menores e ficam presos a película plástica, evitando a abertura dos vãos. O vidro temperado-laminado alia o benefício dos dois produtos: a maior resistência do vidro temperado e a integridade do vidro laminado. É indicado para vãos maiores, juntas secas ou fixação por ferragens.

Leia também:  Como a conscientização da manutenção pode te ajudar a fidelizar clientes

Com a utilização de películas especiais, é possível ter o máximo de resistência com o mínimo de fixação. Como este guarda-corpo de vidro fixado somente no piso, ou visores de piscina, por exemplo.

 

Vidro com película de segurança

Apesar de ter eficácia em manter os fragmentos de vidro presos a ela, a opção não é aprovada por norma para aplicações como coberturas, fachadas e guarda-corpo.

Além disso, é preciso considerar que se a película for aplicada depois da fixação do vidro, em caso de quebra, todo a peça poderá se soltar da estrutura.

 

Vidros de segurança não são aqueles que somente atendem à norma, mas que atenda à necessidade real do cliente.

 

“É muito importante que cada projeto seja tratado de forma individual. A análise de impacto e resistência do vidro deve ser tratada de forma particular e por profissionais capacitados, visando assim ao desempenho esperado.”

 

Para o seu próximo projeto, conte com o suporte de um fornecedor qualificado!

 

Quer saber mais? Baixe nosso e-book: “O vidro como estrutura

 

About The Author